Comunidade ELA - Portugal

___________________ Ponto de Encontro - Esclerose Lateral Amiotrofica - Portugal

Quero deixar bem claro que não sou especialista na área mas reconheço o carácter urgente que a resolução deste problema em alguns doentes de ELA nos impõe.
Dado que o grupo de colaboradores da ANDITEC liderada pelo Prof Eng Luís Azevedo q, que nos têm dado uma ajuda inestimável, são também amigos da ELA e fazem parte deste Forum, dirijo-lhes um pedido de esclarecimento e informação à comunidade sobre este tópico.

Exibições: 245

Responder esta

Respostas a este tópico

STATE OF ART

Apesar do softtare actual já permitir uma comunicação facilitada com o uso das funcionalidade de adivinhação de palavras (word prediction) e conversão de texto pra voz (text to speach), a verdade é que estes sistemas são demasiado lentos porque a introdução de texto também o é!

Em 2007 surgiram no entanto dois avanços importantes porque substituíram o teclado pela captação dos sinais neurológicos. Para já ainda não estão disponíveis ao publico e a língua Portuguesa também não está nos horizontes destas empresas. Talvez esta uma boa oportunidade para a ANDITEC desenvolver um projecto semelhante no âmbito dum projecto Europeu ou outro qualquer programa de apoio.

Links dos projectos:

http://www.theaudeo.com/ (USA)
www.gtec.at (Austria)
Tem razão em relação ao facto de os sistemas de comunicação baseados em escrita, com acesso por varrimento (scanning), serem lentos. Estou certa de que a Engenharia trabalhará para que surjam alternativas à fala, que possibilitem a mesma velocidade de comunicação.

Mesmo assim, a tecnologia que existe actualmente no mercado, dá resposta à fundamental necessidade que todos os seres humanos têm de comunicar. Pensando em tecnologias que virão (e que não tardarão), gostaria de saber que as actuais são colocadas ao dispôr de todos...

Mas pensando no que virá, aqui está um link para um fascinante programa do 60Minutes sobre estado-da-arte das BCI:
http://www.medgadget.com/archives/2008/11/video_brain_computer_inte...

Envio também o link para um projecto europeu que acaba de se iniciar "TOBI : Tools for Brain-Computer Interaction", onde entidades do sistema científico, associações e empresas se reunirão para trabalhar nesta área. http://www.tobi-project.org
Embora talvez não totalmente no âmbito deste fórum, gostaria de recordar o Vitor Gomes. A primeira pessoa que conheci com ELA (em 2001), a pessoa que se dispôs a servir de "cobaia" no estudo que desenvolvi para a tese de mestrado, uma pessoa formidavelmente lúcida. Vivia há vários anos no lar Obra Social do Pousal, em Mafra.
Lamento que não tenha tido oportunidade de conhecer esta comunidade, pois partiu em Outubro de 2008. Além de muitos textos que teve oportunidade de publicar no livro "Pontes da Vida", editado pela Bertrand em 2005, deixou este texto que julgo resumir tão bem o que são os Sistemas aumentativos e alternativos de comunicação.


O Magnífico Computador

“À medida que a doença me foi aprisionando o corpo, a lucidez tornou-se, simultaneamente, a minha maior alegria e o meu maior sofrimento. Para quem como eu, sempre amou as palavras e o laborioso uso que delas se pode fazer, não poder escrever era abrir caminho à demência. Mais do que uma forma de comunicar, a escrita é sobretudo, uma terapia mental onde tento criar uma qualquer lógica apaziguadora. Poder juntar letras, criar palavras, construir frases, dar-lhes um sentido, desenvolver um raciocínio claro sobre o que me rodeia e mais profundamente me toca, devolveu ao meu ego um bem-estar roubado pela doença. É por tudo isto (e muito mais) que resolvi escrever este texto: Uma humilde forma de agradecimento por me sentir vivo.”
por Vitor Gomes

RSS

Vídeos

  • Adicionar vídeo
  • Exibir todos

Membros

Sobre

© 2014   Criado por Pedro Monteiro.

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço